Your address will show here +12 34 56 78
Social Media

A Mar Digital desenvolveu a nova campanha de comunicação para os meios digitais da Raul Dória que visa divulgar a oferta formativa para o ano lectivo 2020/2021, com o objectivo de angariar novos alunos.

 

Os cursos profissionais são um dos percursos do ensino de nível secundário que permite a obtenção de dupla certificação, escolar e profissional, correspondente ao nível 4 de qualificação do Quadro Nacional de Qualificações.

 


A campanha “Alunos Improváveis” reuniu três participantes do programa da SIC – Amigos Improváveis Famosos

 

O Bruno, a Diana e o Luís aceitaram de imediato o desafio da Mar Digital para serem o rosto da campanha Alunos Improváveis!

Vamos conhecer melhor os Amigos Improváveis!



Bruno Sousa

Acredita que pela idade que tem deve aproveitar todas as experiências e esta poderá enriquecê-lo muito.

Gosta de viajar e de estar em contacto com a natureza. Gosta de jogos de tabuleiro, e envolver-se em projetos de voluntariado. Não é um rapaz de rotinas e gosta de viver “ao sabor do vento”. Adora fotografia, preparar looks, e gosta de moda de uma forma geral.

Quer proporcionar alegria aos mais velhos e mostrar-lhes que podem fazer tudo. Levar-lhes alguma adrenalina e dar-lhes a possibilidade de fazer coisas que nunca pensaram fazer.

 


Diana Coelho


Gosta de ir ao ginásio. Gosta de cantar, de dançar e de fazer acrobacia aérea.

Quer ensinar um pouco mais sobre os seus gostos e hobbies. Para além disso, e uma vez que já trabalhou com pessoas mais velhas, vê-se a colocar em prática algumas coisas que aprendeu.

Desta experiência espera conseguir lidar mais com pessoas, principalmente com senhoras, com quem acha que é mais difícil estar.



Luís Martins


Gosta de correr, de ir ao ginásio, de ler e especialmente de escrever. Gosta de comédia e de espetáculos de humor. Um dia gostava de conseguir ser comediante.

Quer estabelecer uma relação com um “amigo improvável” com quem possa aprender mais e discutir temas gerais sobre o mundo.

Quer partilhar a sua visão do mundo. Mostrar que os jovens podem ser bem-sucedidos e ambiciosos. O que falta à sua geração, na sua opinião, é foco… saber o que querem e lutar por alguma coisa.

0